Ano Novo, Paredes Novas

O ano novo sempre traz consigo aquele espírito de renovação, não é? É inevitável, quando estamos envolvidos pela atmosfera das festas de fim de ano, brota em nós quase que espontaneamente a vontade de começar o ano com coisas novas, novas atitudes. E porque não com as paredes de cara nova?

É isso mesmo! Investir na pintura das paredes é uma boa dica para renovar o lar sem gastar muito. Uma cor mais viva na fachada, um tom diferente no quarto ou na sala podem deixar o ambiente mais iluminado, mais aconchegante, com cara de novidade! O aspecto prático é que conserva e protege suas paredes por mais tempo.

Pintar paredes não é nenhum bicho de sete cabeças, pelo contrário, está entre uma das etapas mais simples de se executar em uma obra. E pode até ser uma atividade relaxante e muito prazerosa. Você mesmo pode aproveitar a folga de fim de ano ou as férias para renovar seu lar com muita personalidade!

Nunca pintou antes? Não se preocupe. Preparamos aqui um passo-a-passo com todos os detalhes para você realizar um trabalho com qualidade e segurança, se divertir com o processo e começar 2017 com novas energias. Confira:

Medindo o Espaço:

Medindo a Parede

Ao escolher a cor para o cômodo ou parede que você pretende pintar, leve anotado as medidas das superfícies que você pretende pintar. A medição é sempre em metros quadrados (M²) e o cálculo é bem básico e fácil. Você precisará medir parede por parede. Com o auxílio de uma trena ou metro de bambu, faça a medição da base da parede e multiplique por sua altura. O resultado é a área a ser pintada:

A (m²) = b x h

Para saber a área total de um cômodo, basta somar a área de todas as paredes que deverão ser pintadas.

 

 

Escolhendo a Tinta:

O mercado está cheio de opções interessantes de tintas para as mais diversas aplicações. Mas, supondo que é sua “primeira parede” vamos focar em uma opção prática e com excelente custo-benefício. Vamos fazer uma visita à linha Rende Muito – Coral.

Tinta Rende Muito
A linha Rende Muito é oferecida em diversos volumes

De acordo com o fabricante, Rende Muito é uma tinta de alta consistência que permite uma diluição superior aos produtos convencionais. Você consegue 50% a 80% de diluição com água, podendo pintar até 500 m² (lata) por demão.

Demão são as aplicações que você faz com a tinta na parede, cobrindo toda a superfície. Em geral, duas ou três demãos são suficientes para você obter um resultado incrível. Isto se considerarmos uma parede com bom acabamento. Paredes irregulares ou com acabamento ruim, pode ser necessário um pouco mais de tinta.

A tinta Rende Muito – Coral tem acabamento fosco e é de fácil manutenção no dia a dia. Para mantê-la bonita por mais tempo, a superfície pintada pode ser limpa com uma esponja macia, água e detergente neutro, sem esfregar.

 

Escolhendo a Cor:

Esta talvez seja a parte mais divertida e criativa do processo. A linha Rende Muito – Coral tem uma centena de cores e tons disponíveis, o que pode tornar seu ambiente totalmente personalizado. Que tal dar uma espiadinha na paleta de cores?

Ao buscar a pigmentação ideal, tenha em mente qual o propósito do ambiente que receberá a nova cor. Em geral, quartos e áreas privativas pedem tons mais serenos enquanto áreas sociais podem ser revitalizadas com tons vibrantes. Lembrando sempre que isto são tendências, mas quem faz as regras é você. Em nossa loja temos uma equipe experiente de vendedores e uma designer de interiores pronta para te auxiliar nesta tarefa.

 

 

Materiais Necessários:

Além da tinta, aqui segue a relação de materiais que você vai precisar para fazer de sua parede uma “obra de arte”:

  • Tinta Rende Muito na cor que você escolheu – a quantidade pode variar de acordo com a metragem a ser pintada;
  • Lona plástica, jornal ou papelão;
  • Um rolo e uma bandeja – Para uma pintura interna, dê preferência para rolo de lã de pelo curto. No mercado já existem produtos com a opção anti-respingo, que ajudam evitar o excesso de sujeira;
  • Pincéis ou Trinchas – Serão utilizados para detalhes e pequenos acabamentos onde um rolo não consegue chegar. Procure modelos específicos para parede. O tamanho pode variar de acordo com o nível de acabamento que você precisará fazer;
  • Uma vareta para misturar a tinta;
  • Fita crepe;
  • Capas para cobrir os móveis (de tecido ou plástico);
  • Panos (para tirar o pó das paredes e limpar os respingos);
  • Uma escada (para acessar os pontos mais altos e difíceis);

 

Colocando a Mão na Massa… ou melhor, Na Tinta:

  • Coloque uma roupa velha e leve:

Sim, é inevitável. Você pode se sujar um pouco, mas isso é bom! Ah e não esqueça de proteger a cabeça com um boné e prender os cabelos, caso sejam compridos. Afinal, existe um tipo de tinta que é mais adequada a eles.

 

 

 

 

  • Deixe o ambiente arejado:

Se a pintura for realizada em um ambiente interno, não se esqueça de abrir portas e janelas. A tecnologia empregada na fabricação das Tintas Coral, reduzem o odor desagradável a um leve perfume. Mas ainda assim, um espaço bem arejado é bem mais confortável para o trabalho.

  • Forre o chão:

Utilizando a lona, forre todo o chão abaixo do local a ser pintado por completo. Por mais cuidado que você tome, respingos sempre podem acontecer.

 

 

 

  • Cubra os móveis:

Não se esqueça de cobrir móveis e eletrodomésticos que não podem ser retirados do local.

  • Use a fita crepe:

Cubra com fita crepe as tomadas e interruptores, batentes das portas e janelas, maçanetas e tudo mais que você não quer pintar.

 

 

 

 

 

  • Tire o pó das paredes:

Limpe bem as paredes com um pano seco. Além de dificultar a aderência da tinta, resíduos de ciscos ou poeira podem marcar a pintura não permitindo um acabamento uniforme.

  • Comece a Pintura:

Neste artigo, partimos do princípio que você está lidando com paredes que já possuem acabamento. Sendo assim, não precisará utilizar nenhum outro produto. Trataremos especificamente de paredes que necessitam de algum tipo de reparo em um outro artigo.

Então, vamos lá: Misture bem sua tinta com uma vareta e despeje um pouco na bandeja. Use o pincel de tamanho médio para pintar os 10 primeiros centímetros de sua parede, passando por cima das fitas crepes.

Use o rolo para preencher o resto. O segredo para dar um acabamento bem suave é não encharcar muito o pincel ou rolo e nem colocar pressão em excesso na hora de aplicar a tinta.

 

 

 

 

DICA IMPORTANTE: Ao usar um rolo, faça movimentos diagonais e não verticais ou horizontais. Isso dará um acabamento mais uniforme e evitará ranhuras.

Espere secar a primeira demão de tinta e se necessário, dê uma segunda demão. O intervalo de secagem pode variar de acordo com o ambiente, clima, temperatura e tipo de tinta, mas em geral o ideal é aguardar 4h entre uma demão e outra. Você precisará aplicar uma terceira demão se estiver fazendo uma mudança de cor muito radical e perceber que o tom anterior não foi coberto por completo pelo novo pigmento.

  • Faça uma revisão no acabamento e retire a fita crepe:

Dê uma segunda olhada nos contornos e detalhes da pintura para ver se você não esqueceu de nada. Também não esqueça de retirar a fita crepe com bastante calma e cuidado. É importante realizar este procedimento antes que a tinta seque por completo. Pois, caso contrário, a tinta pode trincar ou sair junto com a fita.

  • Dê uma festa e mate todos de inveja:

Prontinho! Sua parede está linda e sua casa renovada. Agora é só curtir o novo ambiente em boa companhia.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *